Feliciano transmite discurso de Temer em evento de igrejas evangélicas

0

No vídeo, o pastor Marco Feliciano apresenta o “presidente” Michel Temer como “um homem temente a Deus” e o vice-presidente pede orações ao país.

O presidente interino, Michel Temer, em vídeo com o deputado Marco Feliciano.
O presidente interino, Michel Temer, em vídeo com o deputado Marco Feliciano.

Informação – Redação

O deputado e pastor evangélico Marcos Feliciano (PSC-SP) gravou um vídeo com o vice-presidente Michel Temer em que o peemedebista pede “orações” e afirma que quer pregar a “pacificação do país”. As imagens foram exibidas este sábado (30), durante um evento de igrejas evangélicas de Camboriú (SC).

Marco Feliciano apresenta o convidado como o vice que deve assumir a presidência “dentro de 15 ou 20 dias”.

Durante o vídeo, Temer indica que Feliciano “é um velho amigo” e afirma que atualmente há pregação da “desunião de brasileiros”, o que “desautoriza qualquer proposta de harmonia” no Brasil.

“E nós todos, que somos religiosos, e tomo a liberdade de dizer que a palavra ‘religião’ vem da palavra ‘religo’, ‘religai’, queremos fazer uma religação dos brasileiros. E para tanto é preciso muita oração. É preciso que nós estejamos empenhados nessa tarefa. Por isso que quando o pastor Marcos Feliciano me dá a oportunidade de dirigir-me a milhares de pessoas, eu quero pedir suas orações pelo Brasil. Quero pedir suas orações, se me permitem, por mim mesmo. E quero, mais uma vez, pregar a pacificação do país”, afirma o vice-presidente no vídeo de pouco mais de dois minutos.

Marco Feliciano conclui a aparição de Temer no vídeo pedindo um “clamor” ao “presidente”.

“Nosso presidente é um homem temente a Deus. E está rogando uma oração da igreja. Eu queria convocar a igreja agora, nesse momento, para levantarmos um clamor por nosso presidente e pelo bem de nossa nação. Muito obrigado”, conclui o pastor. (Inciso: “temente” é alguém que teme, expressa obediência ou profundo respeito em relação a algo).

Comente no Facebook

Comments are closed.