O julgamento do STF que suspendeu transferência de Lula ao presídio de Tremembé

0

Por 10 votos a 1, o Supremo Tribunal Federal suspendeu, nesta quarta-feira (7), a transferência do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para o presídio de Tremembé, no interior de São Paulo, e decidiu mantê-lo preso na Superintendência da Polícia Federal em Curitiba.

A procuradora-Geral da República, Raquel Dodge, se posicionou contra a transferência de Lula, defendendo que o ex-presidente fique na cela especial em Curitiba, onde se encontra desde que foi preso, em abril de 2018.

O único voto a favor da transferência – e portanto, vencido – foi do ministro Marco Aurélio Mello, que fez o discurso mais longo (veja no minuto 7:20 do vídeo acima).

No geral, Marco Aurélio argumentou que o STF não poderia julgar a situação por não ser órgão revisor. Neste sentido, a decisão só caberia ao TRF4, segundo afirmou.

Na contramão disto, outros ministros entenderam que o TRF-4 não teria sessão nos próximos dias e optaram por suspender a transferência antes que ela ocorresse, evitando possíveis transtornos da decisão.


Jornalista formado em Madri, retornou ao Brasil em 2013 para lançar um meio de comunicação próprio. Idealizou, projetou e lançou o Indepedente em fevereiro de 2016. Acredita que o futuro do mundo está dentro de cada um de nós e trabalha para que as pessoas tenham uma visão realista, objetiva e construtiva do planeta Terra.

Facebook Twitter LinkedIn 

Comente no Facebook

Leave A Reply