Pistola é furtada na maior feira de Segurança da América Latina

0

Da Agência Brasil

Uma arma modelo APX Compact 9 mm foi furtada, na manhã de hoje (2), pouco antes da abertura oficial do evento Laad Defence & Security, a maior feira de negócios da área de defesa e segurança da América Latina, que ocorre até sexta-feira (5), no Rio Centro, no Rio de Janeiro. Segundo a assessoria do evento, a pistola foi retirada do estande da fábrica de armas Beretta Defense Technologies.

O crime teria ocorrido por volta das 9h, segundo o jornal O Dia, horário que a feira ainda não estava aberta ao público. A arma roubada seria uma pistola modelo APX Compact, calibre 9mm. Uma outra do mesmo modelo foi colocada no lugar da roubada. Segundo a organização, ela era não-funcional, ou seja, sem algumas peças que são responsáveis por ela disparar.

Militares das Forças Armadas que participam da feira foram chamados no estante logo após o furto. Procurada, a Clarion Events, que organiza a LAAD Defence & Securit, confirmou o desaparecimento da arma.

“Podemos confirmar que uma pistola que não-funcional foi removida de um estande na LAAD Defence & Security 2019 pouco antes da abertura da exposição hoje. As autoridades militares responsáveis pelo licenciamento de armas de fogo na LAAD foram informadas e compareceram imediatamente ao local do incidente. Estamos ajudando as autoridades relevantes em suas investigações”, diz o texto.

Visitaram a feira nesta terça-feira (02), o presidente da República em exercício, Hamilton Mourão (ocupa a presidência durante viagem de Bolsonaro à Israel), o governador do Rio, Wilson Witzel, e o prefeito da capital fluminense, Marcelo Crivella.

Segundo a Laad, todas as armas expostas estão sem o percursor, que é o mecanismo para atirar. O modelo furtado custa cerca de 400 euros, o que equivale a mais ou menos R$ 1.500. Por volta de meio-dia, a empresa recolheu todas as pistolas em exposição.

Em nota, a Laad Defence & Security informou que “as autoridades militares responsáveis pelo licenciamento de armas de fogo na LAAD foram informadas e compareceram imediatamente ao local do incidente”.

A organização da feira disse que está “ajudando as autoridades relevantes em suas investigações”.

No estande, os representantes disseram que não iriam comentar o caso

Comente no Facebook

Leave A Reply