Professores do RJ fazem financiamento coletivo para concretizar Olimpíada de Sociologia

0

Veja como ajudar: os organizadores ainda pretendem realizar uma Olimpíada Nacional de Sociologia, usando esta regional do Rio de Janeiro como “laboratório”.

Por Rafael Bruza

O logo da I Olimpíada de Sociologia e o professor Thiago Esteves, um dos organizadores / Foto – Divulgação e Reprodução do Facebook

Professores da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e do Centro Federal de Educação Tecnológica do RJ (CEFET-RJ) promovem uma campanha de financiamento coletivo nas redes sociais para realizar a I Olimpíada de Sociologia do Estado do Rio de Janeiro, em outubro.

“Optamos pelo financiamento coletivo, pois não temos nenhuma subvenção, seja governamental ou institucional”, diz Thiago Esteves, professor do CEFET-RJ.

A Olimpíada ocorre dia 8 de outubro, no Colégio Estadual Antônio Prado Junior, localizado na Praça da Bandeira, município do Rio de Janeiro. Estima-se presença de 200 participantes, aproximadamente. A entrada é gratuita

O evento é organizado pela Associação Brasileira de Ensino de Ciências Sociais (Regional ABECS/RJ), em parceria com a UFRJ, o CEFET-RJ, a PUC-Rio e o Colégio Estadual André Maurois.

Você pode contribuir com a campanha de financiamento coletivo “clicando aqui”.

Segundo o professor Thiago Esteves, que é um dos organizadores do evento, a I Olimpíada de Sociologia tem objetivo de “promover a familiarização de estudantes do Ensino Médio com os conceitos, categorias temáticas e autores das Ciências Sociais”.

A “expansão da Sociologia como disciplina escolar” também é um dos objetivos do evento.

“Em um contexto de reforma do Ensino Médio e de incertezas envolvendo a manutenção da Sociologia na Educação Básica consideramos que a Olimpíada de Sociologia pode ser uma oportunidade de dar visibilidade e demonstrar a importância da disciplina para os estudantes e a sociedade, em geral”, conta Esteves.

Os organizadores ainda pretendem realizar uma Olimpíada Nacional de Sociologia, em 2020.

“Essa estadual seria um laboratório para a Nacional”, conta Thiago Esteves.

O financiamento coletivo

Os organizadores da I Olimpíada de Sociologia buscam R$ 1,2 mil, na plataforma Vakinha, até dia 15 de setembro.

Os recursos serão usados para compra de material de consumo, lanches, despesas com produção, divulgação e filmagem da Olimpíada, além da compra de artigos simples de premiação aos participantes, docentes e estudantes envolvidos.

Até esta terça-feira (27), a campanha já arrecadou R$ 1.1, mil.

“Caso sobrem recursos, as sobras serão destinadas à organização da Olimpíada Nacional (de Sociologia), que ficará a cargo da Associação Brasileira de Ensino de Ciências Sociais (ABECS)”, explica Thiago Esteves.

Você pode ver “aqui” o edital do projeto, que mostra uma descrição mais completa da Olimpíada e o formulário de inscrição para quem estiver interessado em participar.

Jornalista formado em Madri, retornou ao Brasil em 2013 para lançar um meio de comunicação próprio. Idealizou, projetou e lançou o Indepedente em fevereiro de 2016. Acredita que o futuro do mundo está dentro de cada um de nós e trabalha para que as pessoas tenham uma visão realista, objetiva e construtiva do planeta Terra.

Facebook Twitter LinkedIn 

Comente no Facebook

Comments are closed.