Tem muita gente revoltada com a nota da Rebeca no solo

0

Internautas fizeram milhares de piadas no Twitter para criticar a nota dada pelos juízes na apresentação de solo da ginasta. O desempenho da estadunidense, Simone Biles, que ganhou a medalha de ouro, também impressionou os brasileiros.

Por Rafael Bruza

A ginasta Rebeca Andrade durante competição de Ginástica Artística nas Olimpíadas do Rio de Janeiro 2016 / Foto – Reprodução
A ginasta Rebeca Andrade durante competição de Ginástica Artística nas Olimpíadas do Rio de Janeiro 2016 / Foto – Reprodução

Apesar de não ser favorito, o Brasil tinha chances de medalha na competição de Ginástica Artística desta quinta-feira (11). A paulista de apenas 17 anos, Rebeca Andrade, era a grande esperança dos torcedores depois que Jade Barbosa se machucou na disputa do solo e deixou a competição.

Rebeca fez boa apresentação no salto (nota 15.566), regular nas barras assimétricas (14.033) e ruim na trave (13.600), em comparação às disputas classificatórias, onde a paulista tirou 14.200 dos juízes.

Mas foi a nota do solo que deixou muitos internautas indignados.

Com acerto em todos os movimentos e saída cravada, Rebeca fez a torcida brasileira gritar e ficar entusiasmada enquanto aguardava a nota dos juízes.

Mas quando o resultado saiu, a frustração foi geral: um 13.766.

E Rebeca terminou em 11º lugar.

No Twitter, onde o nome de Rebeca ficou entre os “assuntos em destaque”, os internautas parabenizaram a atleta independentemente do resultado, enquanto dirigiam todas as críticas aos juízes com milhares de piadas.

A vencedora da medalha de ouro no individual geral, Simone Biles (EUA) também esteve entre os “assuntos em destaque” do Twitter e deixou muita gente admirada ao ganhar sua segunda medalha dourada nestas Olimpíadas.

No dia 15 de agosto, Flávia Saraiva, a caçula Flavinha, de apenas 16 anos, vai competir na final da trave.

E, independentemente dos resultados, cabe lembrar que nossas atletas não tem grande apoio de governo ou empresas e merecem, sim, nossos parabéns.

Viva o Brasil!

Jornalista formado em Madri, retornou ao Brasil em 2013 para lançar um meio de comunicação próprio. Idealizou, projetou e lançou o Indepedente em fevereiro de 2016. Acredita que o futuro do mundo está dentro de cada um de nós e trabalha para que as pessoas tenham uma visão realista, objetiva e construtiva do planeta Terra.

Facebook Twitter LinkedIn 

Comente no Facebook

Comments are closed.